Ainda a revoltante censura no Facebook

Apenas transcrevo o e-mail que me enviou Célia Musili. Haverá mais. Resistiremos.

“Willer, amanheci bloqueada, querem que eu remova todas as fotos “indecentes” que publiquei, ou seja, fotos de nus.

Eis a mensagem que recebi:

Para manter a sua conta ativa, remova todas as fotos que contenham nudez ou apelo sexual. Marque a caixa ao lado de cada foto que deve ser removida.

Se conseguir avisar os amigos no meu mural , agradeço. Por favor, coloque a mensagem deles de bloqueio e a seguinte mensagem minha:

“A censura do Facebook exige que eu remova do meu perfil fotos de nudez que, na minha concepção, são fotos de valor artístico. Participei do movimento pela Livre Expressão do Nu, um movimento estético do qual me orgulho, uma guerrilha cultural. Na minha opinião, o pedido para que eu remova as fotos – condição sem a qual meu perfil não será desbloqueado – fere um dos meus direitos fundamentais: o de escolha.

Não faço questão  de estar integrada ao Facebook, a não ser para realizar meu trabalho, divulgar meus textos e fazer amigos. No mais, não aceito a política totalitária de uma rede social que se diz aberta e democrática. Remover minhas fotos neste momento, me parece um pacto com um politicamente correto tacanho, anacrônico e discutível. Não posso concordar em deletar obras de Michelângelo, François Boucher, Tintoretto,  Mapplethorpe, John Collier ,Marcs Quinn, David Hamilton e outros expoentes da pintura e da fotografia. O que o Facebook pratica com seus usuários fere a ética e se chama ABUSO DE PODER.

Pode ser que um dia volte à rede por outras razões. No momento não me interessa porque não vou pagar penitências à Cyber Inquisição. Se mais pessoas se recusassem a serem “politicamente corretas”, o FB seria obrigado a rever suas regras, em vez de se tornar cada vez mais ABUSIVO e intransigente.

Agradeço aos amigos e aos 1800 participantes da manifestação pela Livre Expressão do Nu.” (Célia Musilli)

– Lembra a censura do regime militar em seus píores momentos, na década de 1970.

Anúncios

5 responses to this post.

  1. Posted by Lucas Bertolo on 13/03/2012 at 11:16

    Willer, também estou censurado. Removi minhas imagens, me mandaram essa mensagem:
    Obrigado por remover as fotos que violavam nossas políticas. Agora, você não poderá publicar nenhum conteúdo no Facebook durante 24 horas. Para manter sua conta com boa reputação, não compartilhe conteúdo que contenha nudez ou apelo sexual. Reveja nossas políticas visitando os Padrões da comunidade do Facebook.

    Quando tentei publicar, recebi um alerta:

    “Você publicou recentemente alguma coisa que viola as políticas do Facebook. Portanto, você não poderá utilizar este recurso temporariamente. Saiba mais.

    Para evitar ser bloqueado novamente, certifique-se de ler e entender os Padrões da comunidade do Facebook.”

    Fui atrás desses padrões:
    “O Facebook tem uma política rígida contra o compartilhamento de conteúdo pornográfico e impõe limitações à exibição de nudez. Da mesma forma, desejamos respeitar o direito das pessoas de compartilhar conteúdo de importância pessoal, sejam fotos de uma escultura, como Davi de Michelangelo, ou fotos de família da amamentação de uma criança.”

    Disseram também que estava publicando imagens de violência, talvez por causa do chicote na mão de Ingrid Bergman:
    “As pessoas usam o Facebook para compartilhar eventos por meio de fotos e vídeos. Compreendemos que imagens gráficas são um componente comum dos eventos atuais, mas elas devem atender às necessidades de uma comunidade diversificada. É proibido o compartilhamento de qualquer conteúdo gráfico por prazer sádico.”

    Quem são os censores para estabelecerem distinção de valor estético em obras de arte? Que motivos fazem de Davi uma obra de arte e as fotografias de Mapplethorpe conteúdo pornográfico? É evidente que os olhos censores são deficientes.

    Responder

  2. Tbm estou bloqueada, imagem de Jose Manchado, belíssima, em p&b. Um nu lateral.
    Mar Becker

    Responder

  3. Willer, muito obrigada por reproduzir minha mensagem aqui no seu blog. Não tenho muito mais a dizer sobre uma rede que censura imagens seculares como se estivéssemos ainda na Santa Inquisição, agora Cyber Inquisição. Agradeço seu empenho em levar a público a censura que todos sofremos e, no momento, eu mesma vou manter meu bloqueio no FB porque não me sujeito a deletar fotos artísticas, seria forçar demais meu sentido de liberdade. Mas vamos em frente nesta briga e vc tem todo meu apoio para as medidas públicas que achar cabíveis. Todos nós fomos censurados, uns mais outros menos, e a censura é uma agressão sempre, no plano individual e coletivo. Grata pelo apoio durante toda a manifestação pela Livre Expressão do Nu, censores de carteirinha não podem nos impor regramentos medíocres que tentam sobrepor à própria Constituição, a lei é clara. Muitos amigos estão repercutindo o que se passa na rede e esta consciência , ainda que num lampejo, é nossa vitória. A campanha pela Livre Manifestação do Nu fica em nossa memória como um vislumbre de liberdade compartilhada. Valeu. Um bj

    Responder

  4. Posted by João on 13/03/2012 at 22:03

    quanta besteira…por mim,passo muito bem sem facebook,mas acho revoltante essa censura sem cabimento…a pagina é minha !? então vou postar o q eu desejar,se alguem ficar ofendido,é só deletar..nada mais simples.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: