Jesus Cristo por William Blake

 

4580-christ-as-the-redeemer-of-man-william-blake-1A transcrição a seguir é dirigida a bobagens que saíram nestes últimos dois dias sobre Jesus Cristo “ser” ou “não ser” casado, a propósito da descoberta do fragmento de um “evangelho’ gnóstico, em copta. Resolveram ressuscitar Dan Brown? Colaboraram historiadores da religião, e não só jornalistas – assim como as retificações (observando que tem de tudo nos escritos gnósticos) também partiram de jornalistas e não só de historiadores da religião.

Os trechos são de The Everlasting Gospel, poema de Blake de 1818, já no fim da vida. Minha fonte, William Blake: Complete Writings, org. Geoffrey Keynes, Oxford University Press, 1972, pg. 748. Transcrevo do meu Um obscuro encanto: gnose, gnosticismo e a poesia moderna, Civilização Brasileira, 2010.

O EVANGELHO ETERNO

William Blake

A Visão do Cristo que tu vês

É a maior inimiga da minha visão.

A tua tem um grande nariz adunco como o teu,

A minha tem um nariz redondo como o meu.

A tua é a do Amigo da Humanidade;

A minha fala em parábolas aos cegos:

A tua ama o mesmo mundo que a minha odeia;

As portas do teu céu são os portões do meu inferno.

Sócrates ensinava o que Meletus

Detestava como a mais amarga Maldição de uma Nação,

E Caifás era em sua própria Opinião

Um benfeitor da Humanidade:

Ambos lemos a Bíblia noite e dia,

Mas tu lês negro onde eu leio branco.

Há mais. Transcrevo outros trechos do extenso poema de Blake:

Foi Jesus gentil, ou deu ele

Algum sinal de Gentileza? […]

Foi Jesus Humilde? ou deu ele

Quaisquer provas de Humildade? […]

Foi Jesus Casto? ou deu ele

Quaisquer Lições de Castidade? […]

Ensinou Jesus a dúvida? […]

Foi Jesus Nascido de uma Virgem Pura

De Alma estreita & aparência recatada?

A resposta é sempre negativa. Apoiando-se nos evangelhos, Blake sustentou que Jesus Cristo não foi gentil, nem humilde, nem casto, nem nascido de uma virgem. Mas o que sobraria do ensinamento evangélico? Para Blake, apenas o perdão: “Não há uma Virtude Moral que Jesus Pregasse que Platão & Cícero não houvessem Pregado antes dele; o que então Jesus Pregou? Perdão dos Pecados”. Mas esse perdão, argumentou Blake, sendo uma supressão ou esquecimento, equivale à revogação da Lei de Moisés e da idéia de pecado: “Pois Virtudes Morais todas começam/ Na Acusação de Pecado”. Em conseqüência, o moralismo é diabólico: “Pois o que é Anticristo senão aqueles/ que contra Pecadores fecham o Céu/ Com grades de Ferro?”.

Só para apontar a ignorância em história das religiões no âmbito do catolicismo e outras variantes do cristianismo: a) Maria Madalena ser prostituta é do século 6 d.C; antes era uma neutra figurante bíblica (e companheira do Cristo em algumas ‘escrituras’ gnósticas); b) dogma da Imaculada Concepção, da mãe do Cristo ser virgem, é medieval.

Mais no capítulo “A mulher no gnosticismo” de meu Um obscuro encanto.

10 responses to this post.

  1. maravilha, willer! preciso reler teu obscuro encanto.

    Responder

  2. Posted by Eiane Boscatto on 21/09/2012 at 01:38

    Eu li o Código da Vinci há algum tempo e não li mais nada a respeito. Voltei recentemente a ler sobre o tema em outro livro. Mas o que sempre me incomodou nas religiões tradicionais são os dogmas, a obediência pela culpa, o obscurantismo. Então, pensei que se Jesus tivesse existido como um homem comum, independente se casado ou não, o cristianismo teria que rever seus conceitos.
    Gostei muito do poema de Blake.

    Responder

  3. Posted by Ruth on 21/09/2012 at 20:35

    Desculpe, Maiara Gouveia, escrevi meu comentário como se fosse resposta a você!

    Responder

  4. Posted by Ruth on 25/09/2012 at 13:53

    Sempre muito bons textos!

    Responder

  5. Posted by Pedro Carlos de Mello on 16/08/2014 at 21:03

    Prezado Claudio Willer. Tenho o seu livro “Um obscuro encanto”, onde consta esses fragmentos traduzidos do Everlasting Gospel. Pergunto, existe a tradução completa do poema?

    Responder

  6. Um escritor de ponta. Recomendo os livros de poemas dele.

    Abraço!
    http://5coisas.org/

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: