Poesia.br: o lançamento

Será esta quarta-feira, dia 10 de abril, na Casa das Rosas, Avenida Paulista n. 37, a partir das 19 h (haverá algum atraso protocolar brasileiro, acho).

Estarei. Direi poemas. Também confirmam presença Frederico Barbosa, Claudio Daniel, Fabio Weintraub, Heitor Ferraz, Tarso de Melo e Marcelo Montenegro. Igualmente, vocalizarão seus escritos.

Poesia.br é uma caixa com dez volumes, cobrindo a poesia brasileira desde antes do Descobrimento até hoje, publicada pela Azougue editorial. Conforme a página da editora: http://www.facebook.com/azougue.editorial.

Um empreendimento colossal. Ainda mais, por ter ficado a cargo de um só organizador, o editor e poeta Sergio Cohn.

A destacar a inclusão dos índios, ou seja, da poesia que, ao mesmo tempo, é contemporânea e representa o período anterior à colonização. Ao fazer isso, Cohn abalou uma pilha de tratados de história da literatura. Incluindo também o século 21, ele juntou as duas pontas, do mais arcaico e do mais contemporâneo. Deu um formato circular à série.

Poesia.br teria patrocínio, mais que justificado, do Ministério da Cultura – porém cortado, assim como outros projetos da editora, como a série publicando cantos de índios, na mudança da antepenúltima para a penúltima gestão. Idiossincrasias, parece. Deixaram Cohn a pé, na mão – mas, mesmo assim, corajosamente, prosseguiu. Entre a estabilidade financeira e a realização de seus projetos, ficou com a segunda opção. Motivo adicional para prestigiar.

Critérios de inclusão, escolhas, evidentemente, dão polêmica. Já deram, na boa cobertura da Ilustrada, em http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrada/102259-verso-reverso-controverso.shtml . Brinquei com a jornalista: disse que há dois tipos de antologia de poesia contemporânea brasileira sobre os quais prefiro não me manifestar. Um, antologias de que não faço parte, por motivos evidentes. Outro, antologias de que faço parte, nas quais fui incluído, por motivos igualmente evidentes. Brincadeiras à parte, jamais uma antologia ficará incólume. Boas antologias – a exemplo de Poesia.br – tem função pedagógica. Orientam leitores e pesquisadores. Estimulam debate. O caso, também, de outra série de antologias, Roteiro da poesia brasileira: Global, 2011. O volume sobre anos 60, seleção e prefácio de Pedro Lyra, não comentarei, pelo segundo dos motivos que acabo de registrar. Interessa comparar – mas a série da Global ficou a cargo de uma equipe de especialistas e levou uns dez anos para ficar pronta.

Poeta refinado, como pode ser visto em seu recente O sonhador insone, Sergio Cohn vem manifestando sua vocação de divulgador da poesia, através de entrevistas e seleções de poemas, desde 1994, através da revista Azougue e da subseqüente editora; nessa, com almanaques, coletâneas (acho da maior importância a que ele preparou sobre geração beat), edições de poetas contemporâneos, séries como Encontros, de entrevistas, e pesquisas. Poesia.br é mais uma etapa importante desse trabalho.

Em tempo: a caixa toda custa R$ 89,00, ou seja, R$ 8,90 por volume. Democratização da poesia é isso aí.

Anúncios

3 responses to this post.

  1. Posted by Mariana Campos on 08/04/2013 at 11:38

    Muita sugestão num texto aparentemente de divulgação de evento. Função pedagógica das coletâneas & antologias, as frouxas e velhas raízes da teoria literária e por aí vai…

    Willer, é muito bom passar por aqui, ler um pouquinho… Estreita também a distância São Carlos – São Paulo.

    Resposta

  2. essa coletânea está na minha lista dos desejos literários há algum tempo. vou já buscá-la.

    Ótimo post, professor! o mi(ni)stério da cultura prefere patrocinar o congresso nacional e as viagens faraônicas e hiperbólicas da Dilma,putz!

    Beijo!

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: