Os relatórios sobre ocupação de terras de índios.

Eu ia publicar aqui alguns poemas. E vou. Material não falta. Mas, primeiro, esta matéria que li hoje no Estadão, sobre ocupação de terras de índios. Trata dos documentos sobre a grilagem dessas terras de índios desde os anos de 1950, e especialmente nas décadas de 1960 e 70. Inclusive, com distribuições das terras entre políticos, no Paraná, além da transformação do extinto SPI em linha auxiliar para esse tipo de ocupação. Destaco, da matéria:

Segundo Marcelo Zelic, colaborador do grupo que pesquisa a questão indígena para a Comissão da Verdade, os documentos ajudam a demonstrar que os índios foram vítimas de esbulhos. Para Zelic – que descobriu o Relatório Figueiredo no Museu do Índio -, o governo não pode ignorar quem comprou terras de boa-fé, criando meios para indenizá-los, mas também não pode virar as costas para os índios. “O Estado brasileiro procura sempre postergar a solução da questão fundiária indígena, em vez de procurar soluções”, disse. “Os documentos do período militar comprovam isso. A decisão da ministra Gleisi Hoffmann, de adiar demarcações e mudar as regras, é outra prova do que estou dizendo.

http://www.portalsoma.com.br/noticias/politica/relatos-do-regime-militar-levam-comissao-a-rever-direito-de-indios.html

Veja, também:

http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,para-antropologo-plano-do-regime-era-integrar-indigenas-a-sociedade-,1042996,0.htm

Já comentei neste blog: quando voltava do Xingu em 1997, o comandante da base aérea de Pirassununga a explicar-se que índios eram cidadãos brasileiros, por isso deveriam ser aculturados, integrados. Era essa a doutrina do regime militar. Governo atual retoma, com a proposta da revisão das demarcações. Isso, para não falar desse projeto incrível, apresentado pela bancada ruralista, de submeter demarcações a referendo congressual.

Anúncios

3 responses to this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: