García Lorca na Martins Fontes, 2

Na próxima segunda feira, apresento-me, com Lelia Maria Romero, lendo e comentando poemas de García Lorca no auditório da livraria Martins Fontes. É a continuação do que fizemos a 07 de junho, com leitura de poetas brasileiros que o homenagearam:

https://claudiowiller.wordpress.com/2013/06/03/os-poetas-brasileiros-e-garcia-lorca/

Lembrando que 19 de agosto foi a data do assassinato dele. Virou tradição fazer algo. Acho muito bom: ocasião para tratar do colossal poeta, e, também, do que fascistas fazem.

No dia seguinte, como já noticiado no post precedente, será a palestra sobre literatura e drogas. Podemos emendar. Nosso problema jamais será a falta de assunto. Haverá mais.

A seguir, a nota preparada por Lelia.

EFEMÉRIDE&TRANSIÇÃO – encontro-homenagem

ONDE: Martins Fontes Paulista – Av.Paulista, 509 – metrô Brigadeiro

QUANDO: 19 de agosto, segunda feira, às 19h30 – auditório. 

CONVIDADO: Claudio Willer 

CURADORIA: Lelia Maria Romero

EFEMÉRIDE&TRANSIÇÃO

 SEGUNDA PARTE: TRANSIÇÃO

Lelia Maria Romero

conversa com o poeta ensaísta e tradutor

Claudio Willer.

“A morte é a pergunta das perguntas”

 Encontro-homenagem a Federico Garcia Lorca.

Setenta e sete anos após a Transição nos arredores de Viznar, em Granada, nos reunimos para caminhar por imagens sombrias e inquietantes. Pranto para Ignacio Sánchez Mejías: la muerte puso huevos em la herida. A teoria do duende: o toureiro mordido pelo duende faz esquecer que arremete constantemente o coração contra os cornos.  Divan do Tamarit: os mortos vão de asas de musgo.

 Claudio Willer – poeta, ensaísta e tradutor. Publicações recentes, Um obscuro encanto: gnose, gnosticismo e poesia, ensaio; Geração Beat, ensaio; Estranhas Experiências, poesia. Traduziu Lautréamont, Ginsberg e Artaud. Doutor em Letras na USP, onde fez pós-doutorado. Mais em https://claudiowiller.wordpress.com/about.

 Lelia Maria Romero – poeta e escritora, pós graduanda em Jornalismo Literário. Autora de Poemas pra navegar e Andaluza. Pesquisa a Espanha medieval e através do Alandaluz voltou ao poeta Federico Garcia Lorca, em cuja poesia identifica traços da poética árabe-persa. Coordena o Projeto NARRARte, que promove oficinas de escrita criativa e saraus temáticos. Contato leliamiura@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: