Este trio se apresentará em São Carlos

IMG_20150711_140424

(na foto recente, Antonio Fernando de Franceschi, eu e Wilson Alves-Bezerra à saída de um restaurante)

QUANDO: dia 09 de setembro, quarta feira, das 18 às 20 h.

ONDE: Teatro de Bolso do DAC, localizado na área Sul do Campus São Carlos da UFSCar, Universidade Federal de São Carlos.

REALIZAÇÃO: Coordenadoria de Cultura (CCult) da UFSCar

A PROGRAMAÇÃO: Antonio Fernando de Franceschi lerá seus poemas mais recentes, inéditos. Comentarei sua poesia. Haverá apresentação musical de duo de piano e clarineta, com Alessandro Silva e Fred Cavalcante, professores do Departamento de Artes e Comunicação (DAC) da UFSCar. Wilson Alves-Bezerra coordenará a sessão.

Mais em: http://www2.ufscar.br/servicos/noticias.php?idNot=7717

Apresentações públicas de Antônio Fernando de Franceschi são raras. Dedicou-se mais a divulgar outros autores, através de sua atuação no Instituto Moreira Salles. A iniciativa de Wilson Alves-Bezerra possibilitará ouvirem um representante do melhor da poesia contemporânea brasileira.

Do informe da UFSCar: O poeta Antonio Fernando de Franceschi tem sete livros de poemas publicados: Tarde revelada (Editora Brasiliense, 1985); Caminho das águas (Editora Brasiliense 1987); Sal (Companhia das Letras, 1989); Fractais (Editora Brasiliense, 1990); A olho nu (Companhia das Letras, 1993); Cinco formas clássicas (BEI, 2002) e Sete suítes (Companhia das Letras, 2010). Dedicou-se à crítica de arte, publicando livros nesta e outras áreas. Foi vencedor do Prêmio Jabuti (Revelação) em 1985 e, entre seus cargos editoriais foi diretor do Instituto Moreira Salles, no qual se  destacou como editor da revista Cadernos de Literatura Brasileira. Preparou recentemente uma série de 12 poemas, que serão lidos publicamente pela primeira vez na UFSCar no Quartas de Bolso. Claudio Willer é poeta, ensaísta e tradutor, ligado à criação literária mais rebelde, ao surrealismo e geração beat. Lançou Estranhas experiências, poesia (Lamparina, 2004); Geração beat (L&PM Pocket, 2009); Um obscuro encanto: gnose, gnosticismo e poesia (Civilização Brasileira, 2010); Os rebeldes: Geração Beat e anarquismo místico (L&PM, 2014). Traduziu  Lautréamont, Allen Ginsberg, Jack Kerouac e Antonin Artaud. É doutor em Letras pela Universidade de São Paulo (USP), onde completou seu pós-doutorado. Alessandro Silva é bacharel em Música pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), com mestrado em Música pela Universidade Federal de Goiânia (UFG). Fred Cavalcante é bacharel em Música pela Unicamp, tem mestrado e doutorado em Educação pela UFSCar. Atuou em gravações e shows em diversas cidades, como instrumentista, produtor e arranjador, e é um dos mentores do projeto Quartas de Bolso.

Em tempo: vejam / ouçam a gravação recente de poemas de Wilson Alves-Bezerra, de seu livro Vertigens (Iluminuras), recém-lançado:

https://www.youtube.com/watch?v=L8h61wrfqJ0

https://www.youtube.com/watch?v=INbNTCBJpM8

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: