Convido para o lançamento de “A verdadeira história do século 20”

14224820_10210679921301089_1426996471599093294_n

É a edição brasileira. Já foi publicado em Portugal (Apenas livros, Cadernos Surrealistas Sempre) no final do ano passado. Agora, sai pela editora Córrego. Virá com poemas e páginas a mais.

Onde: Casa das Rosas, Avenida Paulista, 37, São Paulo, SP

Quando: dia 16 de setembro, sexta feira, às 19 h, até as 21h30.

Mais sobre o livro: A verdadeira história do século 20 / Claudio Willer – São Paulo: Córrego, 2016. 50 p.; 14 × 21 cm. ISBN 978-85-67240-61-9. Preço: R$ 30,00.

Capa de Maninha Cavalcante (o belo desenho reproduzido no convite). Diagramação de Gabriel Kolyniak e Guilherme Ziggy (como poderão ver, sabem diagramar, o livro está atraente). Posfácio de Wilson Alves-Bezerra (gostarão de ler).

Duas palavras sobre publicar por uma editora independente: Pesa em favor da escolha o bom trabalho editorial desenvolvido por Gabriel Kolyniak. E o seguinte: recentemente, ao dar palestra fora de São Paulo sobre Geração Beat, nenhum dos meus livros a respeito estava disponível em livrarias locais. Isso, pelo simples e raso motivo de que essas livrarias locais deviam acertos de consignações para minha editora, impossibilitando colocar novos exemplares. Então, PARA MIM CHEGA. Melhor um arranjo conveniente (portanto, comprem meu livro) do que o gargalo no que eufemisticamente é chamado de “mercado editorial”, durante esta inexaurível crise brasileira. Quem não puder vir ao lançamento, ou não estiver em São Paulo, poderá encomendá-lo à editora: o livro estará disponível, assim que for entregue pela gráfica; será corretamente atendido. Em http://www.editoracorrego.com.br/

Agradeço por divulgarem e comparecerem.

EM TEMPO: Peço que colaborem (quem ainda não colaborou) no “crowdfunding” pelo projeto Biblioteca de Roberto Piva. Este: https://www.catarse.me/bibliotecarobertopiva Além de possibilitar acesso ao magnífico acervo, atuaremos como centro cultural ativo.

Como extra, reproduzo um pequeno trecho do livro (o mais recente, o mais inédito):

MENSAGENS, 1: ENQUANTO RELEIO ALLEN GINSBERG

porque o mundo é mágico

eu escrevo instalado em um canto tranqüilo da cidade

onde servem café

e sei-me parceiro das leis secretas que regem o real

você enxerga / eu enxergo                 à frente / atrás

o que foi e o que será

poesia é isto: saber olhar

atentamente, distraidamente

e contar

tudo o que ninguém precisa saber

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: