Outro inédito de Piva (o penúltimo): aquele poema

Integra Corações de Hot-Dog. Foi lido por Roberto Bicelli na homenagem da terça-feira passada, 24/09, e por mim nas duas sessões de ontem, 26/09, sempre recebendo aclamação entusiástica. Estava entre os textos no Instituto Moreira Salles descobertos por Ibriela Berlanda. Agradeço a Gustavo Benini, detentor dos direitos, pela autorização de publicação; e a Sergio Cohn, pela transferência de jpeg para word.

O movimento gay nunca atraiu Piva – demasiado institucional para seu anarco-individualismo. Não obstante, acho apropriado dedicar esta publicação a Vladimir Putin e demais integrantes da cavernosa legião dos homofóbicos.

Dentre as qualidades de Piva como poeta, além do intenso lirismo e da capacidade de criar imagens, deve ser destacada a ironia, presente desde Paranóia e exuberante neste poema. É paródia satírica, inclusive pelo formato de ode, poema em homenagem. Em oficinas, tenho insistido que a qualidade poética está no detalhe – inclusive, neste caso, no título, em vez do chavão Ode ao cu.

Ainda publicarei mais um inédito do Piva neste blog; ou melhor, semi-inédito, “O hino do futuro é paradisíaco”. Depois, chega – outros belos poemas, como o espantoso relato do trombadinha, do marinheiro canadense e do camelô, ficarão por conta de um próximo livro.

Roberto Piva.

                  POEMA ELÉTRICO DO CU

músculo de veludo na boca de todos os feirantes
            torpedeiros    meninas de internato
            negociantes   padeiros    farofeiros
            torcidas    exércitos de humanocultura
            onde você habita alucinante como
            promessa derradeira
cu boquiaberta entrada franca dos demônios
            pesadelo dos adolescentes    fogueira da
            solteirona em férias    árvore genealógica
            da Cloca Mater onde foi chocado
            o ovo humano numa temperatura
            de 300 sóis
cu   fonte de energia kundalini    hóstia dos
            grandes libertinos    fornalha dos
            cocainômanos    boca azulada da
            verdade corpórea diagramada no
            infinito do desejo      cu grande iniciador
           de tempestades amorosas      vertigem verdadeira
           onde os amantes deslizam
cu   vaporizador da Idade Média do corpo
           onda bioenergética de metais coloridos
           omoplatas carregadas de hidrogênio
           leopardos alucinados de tanto veludo 
cu de cabelos   negros     loiros   ruivos   castanhos
           cipoal de intrigas   onde o caralho
           se perde     se desnorteia    desmaia de gozo
           na contração do espasmo da alegria erótica
cu selvagem assaltante noturno     diurno     trombadinha
           espadachim das estradas   que levam
           ao Grande Precipício anunciador de Paixões
cu das penugens suaves & sumarentas    flor carnívora
           labareda policiada pela civilização
            ave louca    solitária    perdida   bêbada 
           amorosa 
cu proletário  do  corpo      grande escorpião revoltado
            teu vôo de liberdade começa  a acontecer

Anúncios

5 responses to this post.

  1. Posted by Icaro Pitombeira on 10/02/2015 at 01:42

    Video do Willer lendo os poemas do Piva na Quinta Poética:

    * https://www.youtube.com/watch?v=lI7IXfYVhDU

    Resposta

  2. Posted by maria das graças dos santos on 05/06/2015 at 20:57

    REVOLUCIONARIO!!!!

    Resposta

  3. Posted by bethbrait08alvim on 25/09/2015 at 12:55

    Obrigada, Gustavo, Claudio Willer.
    Fiz uma leitura à la Piva aqui em Charleville, aos amigos, na terra de Rimbaud, e elevei -me às iluminações terríveis do poeta, todos regados a Beaujoulais.

    Viva Piva !

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: